Fuscas na América, fez para muitos americanos o que o modelo T fez por gerações antes

Fuscas na América, fez para muitos americanos o que o modelo T fez por gerações antes

“Os fuscas na américa, tornaran-se parte do tecido cultural americano e estamos orgulhosos de que sua rica herança, que, continua na lembrança dos fãs dos Estados Unidos”, disse Michael Horn, diretor executivo do Volkswagen Group of America.

Nas estradas americanas é difícil não identificar um carro de VW importado.

Esse não foi sempre o caso, a VW nos lembra como comemorou o envio do primeiro Beetle para a cidade de Nova York há 69 anos.

Em janeiro de 1949, a VW entregou um VW “Type 1”, ou Beetle, a Ben Pon, um empresário holandês e primeiro importador oficial da Volkswagen do mundo.

“Ele fez incursões vendendo apenas apenas dois naquele primeiro ano e depois explodiu suas vendas “, disse Leslie Kendall, curadora do Petersen Automotive Museum. “Era o carro certo para a época. Fez para muitos americanos o que o Modelo T fez por gerações antes. ”

Fuscas na América

A VW embarcou milhares de Fuscas para os Estados Unidos

Isto foi no início dos anos 1950, quando o “Bug” se estabeleceu como o carro econômico da América.

As vendas dos fuscas na américa foram tão boas que a VW estabeleceu um braço de vendas nos EUA em Englewood Cliffs, NJ, no final de 1955.

O Beetle/Fusca vendeu bem porque era um carro bem construído a um preço razoável, os americanos viram nisto um estilo.

“Eles eram tão adaptáveis ​​que você poderia transformá-los em um buggy, você poderia pular, você poderia pintá-lo descontroladamente”, disse ele. “Era o carro do movimento hippie e da contracultura.”

As vendas de Fuscas na América

Cresceram em centenas de milhares nos anos 60, quando o Beetle estava no auge em 1970, as vendas da VW nos EUA atingiram 570.000 veículos.

A VW na América está lutando para recuperar esse momento. Embora os motoristas americanos sempre tenham uma fraqueza pelo Bug,

Fuscas na América

A VW esteve com problemas de confiabilidade e a qualidade empurrou seus carros para as importações duráveis ​​e de baixo custo da Toyota, Honda e Nissan nos anos 80 e 90.

Embora seja a terceira maior empresa automobilística do mundo, a VW está atrás da Coreana Hyundai nas vendas nos EUA.

Fuscas na américa

Você é apreciador de carros antigos? Gostou de receber as informações sobre os Fuscas na América algumas curiosidades ? Então você vai gostar de ver a a matéria sobre o Fusca 1300 GL, nos acompanhe também no Facebook.com/carrosdasantigass.

Texto baseado em  articles.latimes.com | De Jerry Hirsch

Tradução livre de www.carrosdasantigas.com.br

Envie seu comentário